Cuba

Obras de autores portugueses traduzidas e publicadas em Cuba.

 

Aquilino Ribeiro

TRADUÇÃO

  • Casa Grande de Romarigães (A) / La Casa Grande de Romarigães. Havana, Editorial Arte y Literatura, 1980, 274 p.
Aurelio Francos Lauredo

TRADUÇÃO

  • Carta de Chamada. Testimonio de María Cándida dos Santos, Última Emigrante Portuguesa en Cuba. Havana, Fundación Fernando Ortiz, 2000, 96 p. (Edição apoiada pelo Instituto Camões)
Camilo Castelo Branco

TRADUÇÃO

  • Amor de Perdição / Amor de Perdición. Trad. P. Blanco Suárez. Havana, Huracán, 1976, 200 p.
Eça de Queirós

TRADUÇÃO

  • Cartas Familiares e Bilhetes de Paris / Cartas Familiares y Billetes de Paris. Ed. Carlos de Velasco. Havana, Sociedad Editorial Cuba Contemporanea O'Reilly, 1919, 242 p.
  • Crime do Padre Amaro (O) / El Crimen del Padre Amaro. Havana, Editorial Arte y Literatura, 1978, XVI+442 p.
  • Relíquia (A) / La Relíquia. Trad. Ramon del Valle-Inclán. Havana, Editorial Arte y Literatura, 1976, XI+200 p.
Manuel da Fonseca

TRADUÇÃO

  • Fogo e as Cinzas (O) / El Fuego y las Cenizas. Trad. David Cherician. Havana, Editorial Arte y Literatura, 1978, 123+3 p.
  • Seara de Vento / Siembra de Viento. Trad. Maria Candida Melo Capistrano. Havana, Editorial Arte y Literatura, 1977, 140 p.
Vitório Káli

TRADUÇÃO

  • Tupáriz e as Serpentes do Céu/ Tupáriz y las Serpientes del Cielo. Trad. Aurora Fibla. Havana, Editorial Arte y Literatura, 2000, 253 p. (Edição apoiada pelo Instituto Camões)

 

 

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.