Cátedra Solange Parvaux - Paris

Nome

Cátedra Solange Parvaux

Universidade

Universidade de Paris III - Sorbonne Nouvelle

Ano de criação

2011

Diretora

Ilda Mendes

Docente

Jorge Gomes

Morada

Université de Paris 3 - Sorbonne Nouvelle
Département EILA (Etudes ibériques et latino-américaines), bureau 352
Centre Censier
13 rue de Santeuil
75231 PARIS CEDEX 05

Contactos

Tel: 00 33 1 45 87 42 49
Fax: 00 33 1 45 87 48 50
Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

Website

http://www.univ-paris3.fr 

catd solange paris 

A Cátedra de Solange Parvaux

Objectivos

Criada em julho de 2011 na sequência da assinatura de um protocolo de cooperação entre a Universidade de Paris 3- Sorbonne Nouvelle e o Instituto Camões, a Cátedra Solange Parvaux visa contribuir para a valorização do estatuto da Língua Portuguesa através de:

  • apoio e promoção de atividades de divulgação da Língua Literatura e Cultura Portuguesa;
  • desenvolvimento de iniciativas que possam contribuir para o reforço dos programas de ensino da Língua, Literatura e Cultura Portuguesas, bem como da investigação científica na área dos Estudos lusófonos;
  • formação e atualização de jovens investigadores da Universidade de Paris 3 através da atribuição de bolsas de estudo pelo Instituto Camões

É enfim objetivo fundamental da Cátedra Solange Parvaux a afirmação e reforço em Paris 3 da presença de especialistas de língua portuguesa participando ativamente em projetos coletivos que se prendam prioritariamente com culturas e literaturas de língua portuguesa.

Por seu turno, os projetos científicos da Cátedra enquadram-se nas atividades do Centre de Recherches sur les Pays Lusophones (CREPAL, EA 3421 : http://www.univ-paris3.fr/crepal) do Département d'Études Ibériques et latino-américaines da Universidade da Sorbonne-Nouvelle.

O Centro, reconhecido oficialmente em 1997, reúne docentes investigadores e doutorandos das áreas de Estudos portugueses, brasileiros e dos Países africanos de língua oficial portuguesa, trabalhando igualmente com docentes investigadores e doutorandos provenientes das Universidades de Paris IV, Paris VIII, Brest, Clermont-Ferrand, Lyon, Lille, Pau, assim como de Universidades portuguesas, brasileiras e africanas. Neste âmbito, realizaram-se nos últimos anos numerosos colóquios entre os quais se destacam:

  • "Audaces et défigurations" Colloque Agustina Bessa Luís 20 janvier 2011 - 22 janvier 2011;
  •  La fête dans le monde lusophone : le Carnaval et son cortège 24 juin 2010 - 26 juin 20;
  • Fêtes de cour dans le Royaume et dans l'Empire portugais 19 juin 2009;
  • Le paysage urbain dans le monde lusophone 12 décembre 2008 - 13 décembre 2008

A página Web do Instituto Camões oportunamente anunciará todos os colóquios e iniciativas culturais e científicas beneficiando do apoio da Cátedra Solange Parvaux em Paris 3.

O Nome da Cátedra: SOLANGE PARVAUX

Solange Parvaux foi Inspetora-Geral do Ensino de Português em França de 1973 a 1997.

Lecionou na Universidade de Argel de 1965 a 1971 e a seguir na Universidade Paris III - Sorbonne Nouvelle de 1971 a 1981.

Em 1973, Solange Parvaux criou a ADEPBA (Association pour le Développement des Etudes Portugaises, Brésiliennes et des Pays de l’Afrique lusophone). Nesse mesmo ano, o Ministério da Educação Nacional da França encarregou-a de incentivar o ensino da língua portuguesa no ensino secundário.

Ao longo da sua vida obrou com determinação e entusiasmo pela difusão da língua portuguesa e das culturas dos países lusófonos, no quadro associativo e participando de numerosos colóquios nacionais e internacionais: no Senado em 1986, em colaboração com a universidade Paris 3-Sorbonne Nouvelle: Les Images Réciproques France-Brésil; em Maio de 1992, na Assembleia Nacional em colaboração com a ADEPBA: Les Images réciproques France-Portugal. Em Novembro de 2005, foi presidente da comissão científica para a organização do colóquio "La mondialisation linguistique, un nouveau regard : la langue portugaise, le Brésil, la lusophonie" no âmbito do evento Brésil/Brésils (AFAA).

Paralelamente, publicou numerosos trabalhos de divulgação da língua portuguesa. Organizou a elaboração do manual de ensino da língua portuguesa para o ensino secundário intitulado Espaços, com a colaboração de Olga Ballesta, Françoise Beaucamp, et Agnès Levécot (CRDP Bordeaux, 1998). Na coleção ‘Pocket Langues pour Tous’ publicou Le Portugais tout de suite ! (2003) ; Pratiquez le Portugais - Portugal, Brésil, Afrique (2004) ; Contes et chroniques d’expression portugaise - Portugal-Brésil-Afrique (Bilingue, 2004), com a colaboração de Jorge Dias da Silva e de Jacqueline Penjon; "40 leçons pour parler le portugais " (2006).

O seu último trabalho, Vocabulaire portugais Portugal/Brésil, com a colaboração de Jorge da Silva e Nina A. Mabuchi, lançado poucos dias antes da sua morte, foi publicado em 2007.

(texto de Agnès Levécot, MCF, EILA, Paris 3)

Tópicos neste artigo:
Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.