Lançamento do livro “Ao lado da Lei” de André Amado

Auditório da Feira do Livro – Parque Eduardo VII - Lisboa – 03/06/2015 – 18h00

Apresentação de Francisco José Viegas

O auditório da Feira do Livro, no parque Eduardo VII em Lisboa, acolhe no dia 3 de junho de 2015, às 18h, o lançamento do livro “Ao lado da lei” de André Amado, embaixador do Brasil em Bruxelas, e que contará com a apresentação de Francisco José Viegas.

A sessão será aberta aos órgãos de comunicação social.

Sobre o livro

“Ao lado da lei”é um romance policial que abarca a investigação de uma série de crimes cometidos em Brasília e seus arredores, mas tem uma visão universalista. Tudo começa com a investigação de um sequestro em plena luz do dia, na capital federal. Não decorre muito tempo para as primeiras averiguações tropeçarem numa ampla rede de ilícitos que envolvem criminosos muito sofisticados, alguns com experiência e treino no exterior. Violência e humor convivem no desenvolvimento de uma história que explora os conflitos dos agentes da lei em harmonizar o cumprimento da lei e o serviço esperado da justiça. Nem sempre é possível, o que leva a vários policiais a agirem “ao lado da lei”, deixando aos juristas e à cidadania julgarem se, por essa prática, a ação policial ocorre, mesmo assim, “do lado da lei” ou “ao arrepio da lei”.

Sobre o Autor

André Amado já publicou quatro romances. O primeiro, em 1989, “Desde os tempos da esquina”, foi publicado pela Editora Record. O segundo, em 1992, “A casa de Dona Iolanda”, foi publicado pela Editora Maltese. Em 2001, publicou “Exílio Nacional” (ed. Topbooks), obra que mereceu o Prêmio Nacional de Literatura Luíza Cláudio de Souza, dado pelo Pen Clube do Brasil, na modalidade de ficção. O seu quarto romance, de género policial, intitulado “Clube dos Injustiçados” (2013), foi editado pela Record. Sob o pseudónimo de Rui dos Arcos, Amado contribuiu com crónicas para o jornal O Globo. Em 1991, traduziu para o português “L´Empire et les nouveaux barbares”, de Jean-Christophe Rufin. Diplomata de carreira, Amado escreveu também “Por dentro do Itamaraty. Impressões de um diplomata” (ed. FUNAG, 2003). Foi embaixador do Brasil em Lima e Tóquio e atualmente está à frente da Embaixada do Brasil em Bruxelas.

 

Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões, I.P.) é um instituto público tutelado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) que tem por missão propor e executar a política de cooperação portuguesa e a política de ensino e divulgação da língua e cultura portuguesas no estrangeiro.

 

Lisboa, 28 de maio de 2015

Gabinete de Documentação e Comunicação
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
T: 21 310 91 00

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.