Apresentação da obra “Comunicação e Exportação” de Ricardo Salomão

“Comunicação e Exportação” do investigador Ricardo Salomão vai ser apresentada pelo Vice-Presidente do Instituto Camões, Prof. Doutor Mário Filipe da Silva, no dia 26 de janeiro de 2012, quinta-feira, pelas 18:00, no Instituto Camões.

O livro tem como objetivo apresentar de forma simples, objetiva e, sobretudo, prática, o papel das línguas e das culturas no universo quotidiano de uma empresa exportadora, fornecendo metodologias muito claras para a criação de uma estratégia de comunicação.

No recente Estudo ELAN, da Comissão Europeia, foi estimado que uma PME com uma estratégia de comunicação claramente definida tenderia para um acréscimo de 44,5% nos seus lucros.

Segundo o Eurobarómetro, 83% dos europeus valorizam o conhecimento de outras línguas ainda que 44% não consigam manter uma conversa noutra língua. Com a globalização e a crescente migração, o multilinguismo é fundamental para a compreensão intercultural e para a coesão social, bem como para as perspetivas de emprego dos cidadãos e para a competitividade da Europa.

O presente trabalho apresenta os resultados de 12 anos de projetos de investigação sobre línguas e culturas no contexto das empresas exportadoras, patrocinados pela Comissão Europeia, desenvolvidos por equipas de investigação em diversos países europeus, nomeadamente em Portugal, no seio da Universidade Aberta, por equipas de investigadores coordenadas pelo autor.

Ricardo Salomão é Professor Auxiliar da Universidade Aberta e Investigador no CEMRI (Centro de Estudos das Migrações e das Relações Interculturais), desenvolvendo a sua carreira no domínio da Linguística Aplicada, e, desde 1998, nas Línguas para Fins Específicos (de Negócio) e na Comunicação Internacional de Negócios, uma área do Planeamento Linguístico: Política de Línguas Estrangeiras.

Foi fundador do Centro de Difusão da Língua Portuguesa em Macau, criador do Projeto CLIP, Clube da Língua Portuguesa, em Macau e Dili (Timor Leste). Entre outras publicações, em 2003 edita, com Stephen Hagen “Estratégias de Comunicação das Empresas Exportadoras”.

Na ocasião, Lachlan Mackenzie investigador doInstituto de Linguística Teórica e Computacional (ILTEC) apresentará o “Language Rich Europe”, projeto que, em parceria com o Instituto Camões, está a desenvolver uma análise das políticas e das práticas sobre multilinguismo em 20 países europeus e confrontar os resultados com as recomendações europeias. Os resultados serão apresentados no Language Rich Europe Index — um índice europeu sobre Políticas e Práticas Multilingues, disponível em mais de vinte línguas e publicado em forma impressa e num sítio web interativo. Com esta análise como base, o Language Rich Europe irá criar uma nova rede interdisciplinar sustentável de mais de 1200 decisores em toda a Europa, que irão juntar-se para partilhar conhecimento e boas práticas sobre multilinguismo.

 

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.