Exposição fotográfica "Montreal - a light in the North" de Joaquim Gromicho

Lisboa, 

 

A exposição estará patente ao público

de 18 a 30 de Novembro de 2011

 

Instituto Camões

Av. da Liberdade, Nr. 270 Lisboa

Tel: 21 310 91 00

Horários:

2ª a 6ª Feira: 10.00 hrs às 17.30hrs

Metropolitano: Marquês de Pombal

 

"Montreal é uma metróploe cosmopolita, elegante e sofisticada. Assim é a cidade que eu proponho mostrar, num conjunto de imagens iconográficas de uma cidade contemporânea e evoluída" - Joaquim Gromicho, fotojornalista e autor de "Montreal - a light in the North".

Montreal é a segunda maior cidade do Canadá com uma população de aproximadamente 3,9 milhões de habitantes na  grande área metropolitana.  No centro desta  cidade inovadora, vibrante onde se misturam arranha-céus com casas vitorianas, design ultramoderno e igrejas neogóticas, podemos ver homens de negócios, estudantes, residentes e turistas que se movimentam nos inúmeros estabelecimentos comerciais, nos muitos museus, galerias de arte,  espaços verdes e nos  restaurantes, num turbilhão de animação incessante.

No final da tarde a agitação das ruas dá lugar a um ambiente de confraternização de amigos, ora chique ora descontraído que invadem os cafés, bares ou festivais que decorrem nesta cidade  durante todo o ano.

Considerada a cidade mais "cool" da América do Norte, cheia de dinamismo e criatividade, esta cidade que alberga a sede do Cirque du Soleil, onde trabalham mais de 25.000 designers, vai inaugurar em Janeiro de 2012 o "Village des Neige" uma experiência hoteleira única, com um hotel de gelo e igloos, aventura gastronómica, local de actividades e de divertimento urbano, cultural, desportivo e familiar, constituindo uma nova forma de viver o Inverno na cidade.

 Para este fotógrafo "Visitar Montreal é partir à descoberta de uma cidade verdadeiramente única . Com efeito a mistura da cultura europeia e norte-americana, tornam esta cidade da Província do  Quebeque  extremamente acolhedora, cosmopolita, aberta ao mundo e vibrante,  com  toda a sua criatividade e riqueza multicultural que por isso mesmo tem seduzido viajantes de todas as partes do mundo. Estas fotografias reflectem a minha experiência da cidade. E, claro, o meu deslumbramento por um povo que  demonstrou uma enorme criatividade em adaptar-se ao rigor climático, que a latitude tornou inevitável. Neve, frio e vento são comuns durante o Inverno, mas não impedem a diversão e o convívio. É extraordinário ver como, em qualquer altura do ano, há gente de todas as idades nos seus grandes espaços verdes sejam  jardins, parques ou praças públicas. Depois há a arquitectura, as galerias de arte,  uma  longa lista de eventos culturais, como o Festival Internacional de Jazz ou o Festival  Montréal en Lumière, a grande rede de metro, a "cidade subterrânea", uma rede  pedonal  de trinta e três quilómetros  no subsolo do centro da cidade, as amplas avenidas, os  espaços comerciais, os restaurantes que pela grande diversidade e riqueza gastronómica multicultural conferem uma qualidade de vida excecional a esta cidade.

No entanto,  ao apresentar estas fotografias, espero ser  o "passaporte" para uma viagem exploratória desta cidade para todos os que ainda não a conhecem!

Bem-vindos a Montreal!"

Sobre o Autor:

Joaquim Gromicho tirou o Curso de Fotografia no  ARCO em Lisboa e finalizou-o em 1998.

Desde então tem trabalhado nos mais variados sectores ligados à fotografia como estúdio, imprensa, produções fotográficas e documental contemporâneo. Tem igualmente feito projetos conceptuais de autor em temas diversos, como por exemplo o Lifestyle de Buenos Aires ou BD em fotografia.

As suas últimas exposições de trabalhos de autor foram : "Budapeste"  no Espaço Europa no Centro Jean Monet  e "Living Buenos Aires"  na Galeria Kameraphoto no Bairro Alto em Lisboa. Colabora  em Portugal com várias revistas de imprensa e portais da Internet.

 

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.