Protocolo MNE e MEC promove cidadania global nas escolas portuguesas

O Ministério de Negócios Estrangeiros, através do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, e o Ministério da Educação e Ciência, através da Direção Geral da Educação (DGE) assinam um protocolo para consolidar a Educação para o Desenvolvimento (ED) e a Educação para a Cidadania Global nas escolas, dia 11 de outubro de 2012, pelas 11:00, na sede do Camões, IP, Av. da Liberdade, 270.

Este Protocolo, que tem vindo a ser negociado neste últimos 2 anos, visa contribuir para a implementação da Estratégia Nacional de Educação para o Desenvolvimento (ENED) – 2010-2015, no âmbito da Educação Formal. O protocolo abrange a elaboração de um guião e a certificação de um curso de formação para professores, bem como a divulgação de atividades de Educação para o Desenvolvimento nas escolas.

A Estratégia portuguesa e o processo participado que esteve na sua origem foram identificados como um caso de estudo por parte da OCDE e da Comissão Europeia. Trata-se de promover a “cidadania global através de processos de aprendizagem e de sensibilização da sociedade portuguesa para as questões do desenvolvimento, num contexto de crescente interdependência, tendo como horizonte a ação orientada para a transformação social.”

Na cerimónia de assinatura, participam o Secretário de Estado da Cooperação e dos Negócios Estrangeiros, Luís Brites Pereira, a Secretária de Estado do Ensino Básico e Secundário, Isabel Leite, a Presidente do Camões, IP, Ana Paula Laborinho, o Diretor Geral da Educação, Fernando Egídio Reis, e vários representantes de instituições públicas e de organizações não-governamentais dos sectores da educação e da cooperação para o desenvolvimento.

 

 

Camões, I.P.
Usamos cookies no nosso site para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização.